portal da computação    ciência da computação     engenharia de computação     pós-graduação webmail
Banca do PCC: Miguel Satte Alam Lisbôa
por Marilton Sanchotene de Aguiar, 4 anos, 66 dias atrás

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS
CENTRO DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO
CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Apresentações do Projeto de Conclusão de Curso (2012/2)

Uma Solução Embarcada para o Tratamento de Sensores e Atuadores na UbiComp
por
Miguel Satte Alam Lisbôa

Banca:
Profa. Lisane Brisolara de Brisolara (orientador)
Prof. Adenauer Corrêa Yamin (co-orientador)
Prof. Maurício Lima Pilla
Prof. Júlio Carlos Balzano de Mattos

Data: 26 de Março de 2013

Hora: 10:00h

Local: Sala 414

Resumo do Trabalho:

Na computação ubíqua, existe a necessidade de prover consciência de contexto para as aplicações.  Considerando a elevada escalabilidade dos ambientes ubíquos, fica caracterizada a necessidade de um número significativo de dispositivos para o tratamento dos diferentes sensores e atuadores associados às aplicações.  Nesta perspectiva, se mostra oportuna a preocupação de empregar dispositivos robustos e de consumo reduzido. Com esta motivação, o trabalho proposto tem como objetivo central a concepção de uma solução para o serviço de consciência do contexto que seja embarcada, de baixo custo, tamanho reduzido, composta por um hardware restrito no que diz respeito a poder de processamento e quantidade de memória, além de apresentar baixo consumo de energia, baixa dissipação de potência.  A solução proposta, contempla um produto industrial denominado O.S.MagicBox desenvolvido em uma parceria da UFPel com a empresa O.S.Systems.  O mesmo visa atender uma tendência internacional de ser gerenciado através de uma aplicação Web.  Esta aplicação possibilita, de forma proativa, visualizar os dispositivos (sensores/atuadores) conectados e suas respectivas características, cadastrar estes dispositivos para a utilização em regras, bem como elaborar regras através de uma interface gráfica, as quais irão determinar o comportamento da arquitetura como um todo.  Para avaliar o comportamento da O.S.MagicBox quanto as suas funcionalidades, foram realizados dois estudos de caso.  No primeiro experimento, a O.S.MagicBox foi utilizada para controlar um kit composto por sensores e atuadores, já no segundo estudo de caso, a solução proposta foi inserida no projeto AMPLUS com o intuito de monitorar o Laboratório Didático de Análise de Sementes (LDAS).  Em ambos estudos de caso, a O.S.MagicBox atendeu as funcionalidades previstas, enquanto solução para prover consciência do contexto em ambientes
ubíquos.
Para mais informações acesse: http://inf.ufpel.edu.br/nopcc/doku.php?id=bancas:2012_2

CDTec UFPel
Find us on Google+